CS Agronegócios implantará esmagadora de soja em MG

As obras vão começar imediatamente após a oficialização da doação do terreno pela prefeitura de Uberaba, e devem se estender por cerca de 12 meses.

São Paulo - A empresa CS Agronegócios confirmou na quinta-feira a implantação de uma unidade esmagadora de soja em Uberaba (MG). A prefeitura da cidade mineira deverá doar o terreno para a indústria, que investirá aproximadamente R$ 270 milhões.

A unidade será capaz de beneficiar 1,5 mil toneladas de soja ao dia. Desse total, 20% deverá ser transformado em óleo degomado para produção de biodiesel - numa parceria que está sendo negociada com a Petrobras. Já os 80% restantes deverão virar ração animal.

As obras vão começar imediatamente após a oficialização da doação do terreno, e devem se estender por cerca de 12 meses. O objetivo é fazer a fábrica entrar em operação já na safra de soja de 2013/2014.

A inauguração de uma esmagadora de soja é um antigo sonho da administração da cidade. O projeto de lei de doação da área para a empresa já está sendo elaborado. Houve uma disputa entre o Estado de Goiás e a o governo mineiro pela empresa.

Para não perder a concorrência pela indústria, o governo de Minas Gerais garantiu - por meio do Instituto de Desenvolvimento Industrial (Indi-MG) - os mesmos incentivos fiscais que tinham sido oferecidos pelo governo goiano.

O diretor-presidente da CS Agronegócios, Rogério Cerqueira, informou que o projeto tem a consultoria do escritório internacional FC Stone, observando que o objetivo principal é atender o produtor e o mercado consumidor mineiro.

Fonte: Exame


Voltar